O QUE É UM CIRCUITO INTEGRADO ?

 

 

É um componente electrónico que pode ter vários aspectos exteriores, de que se mostram dois na figura ao lado.

A invenção deste componente resultou do desenvolvimento e miniaturização do transístor, já que a sua constituição não passa de uma sábia associação de transístores e partes de transístores.

O seu interesse resulta da miniaturização. O circuito integrado propriamente dito chama-se pastilha (chip, em inglês) e é muito pequeno. A maior parte do tamanho externo do circuito integrado deve-se à caixa e às ligações da pastilha aos pinos externos. Na figura ao lado vê-se o interior de um circuito integrado com as referidas ligações externas.

Ligações internas num circuito integrado

 

Microprocessador

 

 Para se ter ideia da complexidade desta miniaturização, refira-se que existem hoje circuitos integrados com vários milhões de transístores, como é o caso dos microprocessadores que se usam nos computadores pessoais. 

 Um circuito integrado é um bloco indivisível que funciona como um circuito electrónico feito com peças separadas. Tem a vantagem de ter dimensões microscópicas, o que lhe confere rapidez e baixo consumo. Por outro lado, não é possível repará-lo. Quando está defeituoso tem de ser substituído por outro. Se for um circuito integrado de grande divulgação (logo de grande produção), o seu preço pode ser reduzido (da ordem das dezenas de escudos). Noutros casos, pode atingir dezenas de contos ou mais, como acontece com os microprocessadores dos PC.

Há uma enorme variedade de circuitos integrados. Na figura mostra-se uma placa de memória RAM constituída por 7 circuitos integrados.

 

 Memória RAM

 

Quero saber mais

Voltar a "O que é ... ?"

Voltar ao Índice geral